Amor que cresce {ensaio de bebê}

A gravidez é cercada de sentimentos diversos e expectativas. Seja gravidez planejada ou fora dos planos. Os pais começam a imaginar como será aquele bebezinho que geraram e que está ali crescendo, já mostrando um pouquinho de manias e personalidade. Com o tempo, esse bebezinho reage ao toque e à voz daqueles mais próximos, se remexe mais em determinados horários e ocasiões. A mãe tem a sensação de que conhece aquele bebê como ninguém.

Mas aquele amor imenso, que parece não ter mais pra onde crescer, consegue aumentar com o nascimento e com o convívio diário com aquele pequeno ser. Aos pouquinhos, vão todos se conhecendo, se descobrindo, se adaptando um ao outro. A rotina da casa muda completamente e cada dia é um dia. E o amor só cresce!



Uma resposta para “Amor que cresce {ensaio de bebê}”

  1. flavia disse:

    Aninha, como sempre, sensivel e encantador!! Parabéns! Bjs da sua fa

Deixe uma resposta