Me sugere um lugar para o ensaio?

Um questionamento que tenho observado ser bem comum nas mensagens que recebo, seja de potenciais clientes seja de fotógrafos iniciantes, é com relação aos locais onde fotografo. Alguns clientes, no primeiro e-mail de pedido de orçamento, já me perguntam sobre o local onde pode ser feito o ensaio ou sobre os lugares que costumo fotografar. Fotógrafos, por sua vez, me pedem dicas de locações para ensaios. Tendo em vista que é um assunto recorrente, vou tratar com mais detalhes, com base em minha experiência, considerando o meu estilo de fotografia comercial, ou seja as fotos que faço para clientes.

Ensaios fotográficos podem ser realizados em estúdio, em locações externas (que não se resumem a parques), na casa do próprio cliente. A escolha do local vai depender de muitos fatores, entre eles o estilo de fotografia com o qual cliente e fotógrafo se identificam. Existem profissionais que se sentem mais à vontade e que são especializados em estúdio. Por outro lado, existem fotógrafos que só trabalham em locações externas. E cada um imprime o seu estilo e sua linguagem em seu trabalho.

Estúdios permitem um controle melhor da luz e têm suas vantagens, como privacidade, segurança, não ter que se deslocar (no caso do fotógrafo), possibilidade de fazer ensaios em horários diversos, faça chuva ou faça sol. Entretanto, não é a minha linguagem e não faz parte do meu estilo. Então, no meu caso, já é um item fora de cogitação.

Locações externas

Ensaios em locações externas, a meu ver, dispõem de mais elementos para a história que nos propusemos a contar com nossas fotos. Contudo, mesmo trazendo elementos e riqueza para o ensaio, a escolha da locação não é a primeira coisa com a qual me preocupo. Acredito que antes de qualquer coisa, é preciso definir o conceito e o objetivo do ensaio.

Minhas sessões são mais voltadas para o registro de momentos de descontração das pessoas que fotografo. Assim, quando estamos planejando o ensaio, procuro saber primeiro o que a família gosta de fazer no tempo livre, onde gostam de passear, se preferem ambientes mais urbanos ou campestres. Acho isso mais importante do que simplesmente tirar um lugar bonito da manga e nele encaixar a família custe o que custar. Não adianta pensar na cachoeira mais linda e incrível do mundo, com águas cristalinas, se a pessoa tem pânico de água. Além disso, procuro valorizar mais as interações do que os lugares. Dentro do meu estilo, não preciso de paisagens cinematográficas para que o ensaio funcione. Muitas vezes um beco, portão, uma árvore, parede grafitada resolvem que é uma beleza!

Tati-12-1

Esse carinho já dispensa qualquer cenário. Mas se encontramos umas flores no caminho, elas bastam para compor a cena.

Depois de conhecer um pouco melhor as pessoas que serão fotografadas e desenvolvermos a ideia da nossa sessão, vamos analisando juntos algumas opções de locação que ajudem a contar a história, levantando alguns pontos que devem ser considerados.

A sessão será realizada em dia de semana ou em fim de semana? Existem lugares que dão certo para fotografar durante a semana e outros que dão certo apenas aos fins de semana ou feriados. No ensaio da Carol, por exemplo, a gente queria um ambiente bem urbano, no centro da cidade, mas que estivesse vazio. Assim, seria impossível fazer as fotos durante a semana no setor bancário.

Ana Paula Batista 2011 Ana Paula Batista 2011 Ana Paula Batista 2011 Ana Paula Batista 2011 Ana Paula Batista 2011 Ana Paula Batista 2011

Nesse ensaio de gestante, queríamos explorar as paredes grafitadas do Espaço Cultural Renato Russo, local que durante a semana tem muitos carros estacionados. Então, aproveitamos um feriado e conseguimos o local mais vazio, com menor quantidade de carros passando.

Angela 33s-38-1 Angela 33s-55-1 Angela 33s-68-1

Paisagens urbanas podem ser extremamente interessantes. Locação externa não se resume a parque!

Angela 33s-141-1

Ponto turístico? Lugar clichê? Por que não?

Por outro lado, existem locais como parques, jardins botânicos, restaurantes, livrarias, cafés, zoológicos, entre outros, que podem ser mais tranquilos em dias de semana.

Outro fator que deve ser analisado é a estrutura que o local oferece, caso seja necessária. Grávidas e famílias com bebês e crianças, por exemplo, podem precisar de locação que tenha banheiro, local com água ou lanches, estacionamento próximo.

Existem lugares que só permitem ensaios fotográficos em determinados dias da semana. Existem também lugares que cobram taxas e autorização para a realização de ensaios. Então, tudo isso deve ser verificado e considerado junto com o cliente. Pense também na segurança do local para minimizar a chance de contratempos.

Não esqueça de levar saquinho de lixo para não deixar nenhuma sujeira no local. Vamos preservar o meio ambiente! 😉

Em casa… por que não?

Eu simplesmente AMO fotografar em casa. Amo!

Rosa e Elisa FAMILIA-46-1

“Mas Ana, minha casa vive bagunçada.”

“Ana, minha casa é pequena.”

“Não tem nada legal pra fotografar.”

“Em casa? Sério?”

Gente, não importa se a casa está bagunçada, se é pequena… é a sua casa! O lugar que te abriga e que fala muito sobre você e sua família. Aqueles detalhes que, anos depois, você vai olhar com saudade nas fotos. O sofá, as almofadas, os quadros, a decoração do quarto das crianças, os livros… Cenário perfeito para contar a sua história! Além disso é seguro e as pessoas ficam mais à vontade. E, claro, sempre tem a opção de dar uma voltinha pela vizinhança, ou como é comum aqui em Brasília, dar uma volta pela quadra. Então, se você está na dúvida, considere!

Elis-63-1

Começamos a sessão em casa e depois passeamos pelos arredores.

Elis-112-1

Passear com a Catarina faz parte da rotina do casal. Então, exploramos esse local, onde costumam brincar com ela.

Elis-191-1

Elis-172-1

O que importa é essa conexão! Tanto faz o local…

Em uma reunião de planejamento de ensaio de grávida, o casal disse que queria fazer as fotos em um parque perto de sua casa. Eu perguntei se eles costumavam ir para o parque, o que gostavam de fazer lá e o que faziam nos tempos livres. Eles disseram que nem vão muito ao parque, mas que sempre veem as fotos em lugares “verdes e floridos”, acharam que seria o melhor lugar. Conversa vai, conversa vem, eles me disseram que o que mais gostam de fazer é cozinhar juntos, receber amigos em casa. Na hora, sugeri que fizéssemos o ensaio deles em casa, cozinhando. O resultado? Ficou a cara deles! O objetivo é esse, né? Depois eles me agradeceram pela sugestão.

Marcela-14-1 Marcela-22-1 Marcela-25-1

Para o meu estilo de fotografia, que isso fique bem frisado, eu me preocupo muito mais com o que vamos fazer do que com a locação. Não quero dizer que a locação não interfere, mas sim que minha prioridade é outra. Procuro fazer ensaios em que as pessoas fotografadas se reconheçam nas fotos. Não estou falando de editoriais de moda ou fotos publicitárias. São retratos. Retratos de família. A locação pode enriquecer, agregar, ajudar a contar a história, mas ela vai ser pensada junto com o cliente, considerando o conceito do ensaio, o estilo de vida dos clientes, o que gostam de fazer, onde se sentem à vontade.

Valeria-10-1 LB-49-1

Como não fotografar um cantinho especial desses?

Lucas-57-1

Banho com a mamãe no banheiro…

Julia FAMILIA-33-1

… ou um belo banho na sala.

Delise FAMILIA-95-1

O importante é fazer o que gosta e ser feliz!

Paula GESTANTE-53-1

Dentro de casa ou no condomínio onde a família vive.

Dany-170-1

O chão coberto de flores não poderia passar batido! Temos que explorar as locações com atenção.

Virginia_GESTANTE-85-1

Nosso pequeno guia nos levou à trilha das borboletas, no parque onde costuma ir com os pais.

Carol-2-1

Os passeios em família  (por causa do movimento desse lugar aos fins de semana, fotografamos em um dia de semana)

Então, se você quer fazer um ensaio comigo, antes de te sugerir alguma locação, eu quero te ouvir. Pensando juntos, vamos elaborar algo que seja a sua cara. E, se você é fotógrafo, é assim que eu gosto de trabalhar. Funciona pra mim. 🙂



Uma resposta para “Me sugere um lugar para o ensaio?”

  1. Bruno Batista disse:

    Olá Ana Paula, minha xará de sobrenome! Encontrei seu site buscando por referencias de fotografia de festas infantis em Brasília. Curti muito o trabalho e estou escrevendo para parabenizá-la.
    Forte abraço e sucesso na sua caminhada!
    Feliz Natal e próspero Ano Novo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *